Sobre o Vinho Alemão

O Vinho Alemão

Tipos de Vinho Alemão

A palavra chave para começarmos com o vinho alemão é: Trocken.

Trocken significa seco. Nós que ficamos marcados por vinhos alemães adocicados e de baixa qualidade, precisamos entender que há vinhos alemães secos, tanto tintos quanto branco, muito bons!

É interessante notar que há vinhos de colheita tardia que também são trocken. No nariz eles são bastante frutados e nos remetem a vinhos adocicados, mas na boca não. Isso acontece quando o produtor deixa a fermentação das uvas acontecer até o final, resultando em um vinho seco. Esses vinhos são os que trazem as palavras: Kabinett, Spätlese ou Auslese seguida por trocken. São de alta qualidade e de grande valor eno-gastronômico.

Alguns vinhos troken, chegam a ter até 9 gramas de residual de açúcar (que é bastante!), mas como possuem alta acidez, o resultado gustativo é seco. Neste caso é ainda maior a sensação ao nariz de um vinho doce, mas ele na boca é seco, embora mais complexo e intenso. Esta categoria de vinho é imbatível em harmonizações com comidas condimentadas e picantes.

Se você porém, encontrar a palavra halbtrocken ou feinherb em vez de trocken, significa que o vinho é meio-seco.

Caso esteja escrito lieblich ou edelsüß, o vinho será doce. IMPORTANTE: Se não constar nada sobre isso no rótulo, o vinho certamente será doce.

Você pode ler mais sobre os tipos de Vinhos da Alemanha em nosso blog: acesse aqui.

 


 

As regiões Produtoras


Regiões vinícolas da Alemanha: um solo rico que produz preciosidades.

Na Alemanha, as uvas têm propriedades especiais. Nos solos ricos das 13 regiões produtoras, as castas nobres sentem-se em casa, deste o adstringente Riesling até o floral Spätburgunder. Influenciadas pelo clima, as uvas crescem tipicamente leves e frutadas, cheias de encanto, charme e caráter.

Leia mais sobre as regiões produtoras em nosso blog: acesse aqui.

 


 

Entendendo os rótulos Alemães

Os vinhos alemães possuem algumas particularidades em seus rótulos, como por exemplo a classificação os vinhos (QbA, QmP), o tipo de vinho (seco, semi-seco ou suave) e o fato de que a maioria dos vinhos, por serem produzidos a partir de uma uva só, não têm nomes próprios como por exemplo “Almaviva” ou “Neyen”. O destaque fica para a casta utilizada e para o nome da vinícola.

Leia mais sobre os rótulos em nosso blog: acesse aqui.

 


 

Classificação e Categorias

Os vinhos alemães são divididos por categorias de particularidades climáticas e por nível de açúcar da uva e de açúcar do vinho, que são coisas diferentes.

Spätlese por exemplo, Spät significa tardio. Lese significa colheita, por tanto é uma colheita tardia. Significa que a uva está bem madura e deve estar com índices de açúcar elevados, porém se irótulo contiver o termo trocken, quer dizer que a fermentação foi até o final e por tanto o açúcar foi todo transformado em álcool. Assim o vinho é seco mas com mais complexidade aromática.

Leia mais sobre as classificações em nosso blog: acesse aqui.